Transferência de Bale para a China pode não acontecer

Na atual janela de transferências duas novelas que parecem não ter fim estão monopolizando a atenção da mídia nos últimos dias: as transferências de Neymar, que quer deixar o Paris Saint-Germain e de Gareth Bale, que vai no caminho oposto e faz jogo duro não querendo deixar o Real Madrid.

O galês chegou a ser dado como carta certa no futebol chinês nos últimos dias, podendo se tornar um dos jogadores mais bem pagos do futebol mundial, mas ao que parece o desejo de sua família de não se mudar para o país asiático deve pesar e o jogador permanecer, pelo menos por mais alguns dias, vestindo a camisa merengue na capital espanhola.

Segundo as notícias da mídia internacional o provável destino de Bale na China seria o Jiangsu Sunning. Porém, pouco se sabe oficialmente desta proposta. Afinal, segundo o diário espanhol Marca a oferta anual de salário para o jogador seria de € 17 milhões, que convertido para R$ daria algo em torno de 71,4 milhões por ano.

Estes são números bastante diferentes do que mostra a inglesa BBC, que diz que os salários de Bale na China seriam de £ 1 milhão por semana, o que em reais daria algo em torno de R$ 4,6 milhões por semana ou R$ 239 milhões por ano.

Os dois veículos também discordam quanto aos motivos que teriam feito a transferências do jogador para a China ter dado errado. Segundo o Marca foi a família de Bale quem vetou a transferências por não querem se mudar para a China, enquanto a BBC crava que foi o Real Madrid quem não chegou a um acordo com o Jiangsu Sunning, clube que pertence ao mesmo grupo que controla a Inter de Milão.

A única certeza para a mídia internacional é o fato de que independentemente do seu destino o jogador não irá ficar no Real Madrid. O Le Journal di Dimanche da França publicou neste fim de semana uma entrevista com o empresário do jogador onde ele reafirma que Bale não tem qualquer relação com Zidane pois o treinador não gosta dele.

Caso não vá para a China existem 3 possibilidades para Bale também segundo a mídia europeia: voltar para a Premier League para defender o Tottenham ou entrar em uma negociação com o Manchester United que poderia envolver Pogba, além de ter proposta do Bayern de Munique.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *