Tite faz primeira convocação pós Olimpíadas

Tite receberá uma seleção motivada após conquistar o tão sonhado ouro olímpico e dar o troco na Alemanha desde o 7 a 1 que tirou o Brasil da Copa do Mundo em casa.

A primeira convocação da seleção brasileira saiu nesta segunda-feira (22) com algumas mudanças, uma delas por confiança do treinador em seu pupilo, o lateral Fagner do Corinthians. Também foram convocados o atacante Taison (Shakhtar, da Ucrânia) e o meio-campista Rafael Carioca (Atlético-MG), o lateral Marcelo (Real Madrid) e o meio-campista Paulinho (Guangzhou Evergrande, da China), foram as principais surpresas da lista para os dois próximos jogos do Brasil nas Eliminatórias da América do Sul.

Tite fará sua estreia contra o Equador pela seleção brasileira no dia 1º de setembro, em Quito. A primeira partida em casa será no dia 6 de setembro, diante da Colômbia, em Manaus.

Na relação canarinho temos sete campeões olímpicos sob comando do Rogério Micale: o goleiro Weverton, os zagueiros Rodrigo Caio e Marquinhos, o meio-campista Renato Augusto e os atacantes Gabriel Jesus, Gabigol e Neymar.

“O Rafael Carioca está em ótima fase desde o ano passado. É merecedor desde o ano passado. O Fagner fez um bom campeonato ano passado e vem fazendo esse ano de novo”, disse em entrevista.

Oito convocados atuam no Brasil. O técnico afirmou que eles levaram vantagem neste momento pelo fato de estarem em atividade. Na Europa, as competições começaram recentemente, então muita coisa pode acontecer ainda.

Apesar das conquistas atuais, não podemos esquecer a atual crise que vive a seleção a qual entrará em campo pressionado e com riscos até mesmo de não superar as eliminatórias. Com nove pontos, o país é o sexto colocado, fora da zona de classificação para a Copa do Mundo da Rússia de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *