Técnico de clube brasileiro é demitido

Apesar de estar com desempenho médio no campeonato e ocupando a décima colocação, o Internacional logicamente quer muito mais e a primeira atitude para mudar foi a saída do técnico Diego Aguirre. Foi uma decisão tomada pela direção do Inter as vésperas do clássico com o Grêmio. No seu lugar o auxiliar Odair Helmann, ficará como treinador interino até que um novo chegue ao clube, Muricy Ramalho é um dos principais nomes na lista, Mano Menezes e Oswaldo de Oliveira são outros que podem estar a caminho.
técnico do internacional
A gota d’água que fez a saída de Diego Aguirre se tornar um plano iminente foi a eliminação do Inter na Libertadores, depois disso o clube empatou 2 jogos e a direção não quis esperar mais para concretizar a decisão.

“Estivemos conversando e agora pela manhã tomamos esta decisão. E esta decisão foi implementada lá pelas 10h30 da manhã. Decidimos fazer antes do clássico para criar uma atmosfera que possa nos ajudar”, afirmou Vitorio Piffero, presidente do Internacional.

A situação começou a pesar para Diego Aguirre desde o inicio do ano mesmo após ter vencido o Grêmio no Campeonato Gaúcho, o técnico ainda seguiu bem na Libertadores, mas tropeçou perante o Tigres e colocaram a corda em seu pescoço.

A contratação dele foi escolha de Luiz Fernando Costa, vice-diretor de futebol que faleceu por conta de infarto no final de janeiro. Seria alguém disposto a mantê-lo no clube se estivesse vivo.

Além do desafio complicado com o rival, o Inter ainda terá novo jogo três dias depois em casa com o Fluminense e 4 dias após fora com o Cruzeiro. Será complicado para os jogadores o cansaço físico, desgaste mental e o clima que fica após a saída do treinador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *