Sidney Moraes demitido do Náutico, até que ponto perder um clássico pode prejudicar um técnico.

Sidney Moraes demitido? Como assim? Um clássico não tem uma definição exata de importância pra um time, pode-se dizer que vencer um clássico é obrigação de qualquer treinador e que uma derrota diminui consideravelmente a sua moral, alguns torcedores mais fanáticos costumam dizer que o objetivo numero um é vencer o campeonato e o numero 2 é vencer um determinado clássico, como exemplo um Corinthians x Palmeiras.

Quando um clube está em uma situação complicada ou em uma sequência de derrotas, dérbi pode salvar ou condenar um treinador, o resultado também tem influência, no caso do Náutico foi 3 a 0, isto foi a gota d’água que faltava para a diretoria condenar o técnico. Um outro fator também influenciou em sua saída, após a derrota   Moraes pediu o afastamento do jogador Elicarlos, atual capitão do time o qual é considerado um grande líder pelo clube, para somar ainda teve um desentendimento com um dirigente e afastou o jogador Flávio sem nenhuma razão aparente.

Dado Cavalcanti

 

Moraes teve um aproveitamento de 50% nos 10 jogos que comandou o Náutico, agora o clube conta com a liderança de Dado Cavalcanti para o resto da Série B. Dado é um pernambucano considerado atualmente o mais jovem treinador brasileiro, começou sua carreira no Ulbra  e já ficou a frente do clube do Santa Cruz nos anos de 2009 e 2010, passou por alguns times nordestinos e conseguiu a proeza de ser vice paulista pelo Mogi Mirim se tornando noticia nacional pelo fato do Paulistão ser um dos campeonatos mais disputados do Brasil onde só se vê nas finais clubes como: São Paulo, Corinthians, Santos e Palmeiras, pode-se dizer que foi um belo investimento do Náutico e que o caminho para a saída da série B esta traçado.

Independente de clássico ou não um técnico precisa estar ligado se quiser permanecer crescendo em clubes, uma derrota não é o que separa o técnico de seu clube, mas as escolhas erradas que o mesmo faz que acabam levando a ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *