Santos vence no ultimo minuto dos acréscimos

O Santos começou bem a semana, primeiro o clube conseguiu um “milagre” e marcou o gol aos 51 minutos do segundo tempo jogando contra o Coritiba em casa quando Renato, pegou de cabeça na área e anotou 2 a 1 para o peixe na primeira vitória alvinegra da competição nacional. E para iniciar bem a semana o clube venceu uma importante batalha contra a Doyen Sports na Justiça envolvendo o caso Leandro Damião. O juiz Carlos Aleksander Goldman, da 12ª Vara Cível de São Paulo, considera que o centroavante mantém vínculo com o clube paulista e, por isso, alega que não há razão para os investidores cobrarem R$ 74 milhões do clube paulista.

No jogo o primeiro tempo foi bem equilibrado, o Coritiba que saiu em vantagem. Após bela jogada ofensiva, Dodô encontrou Leandro pelo lado direito, o atacante invadiu a área e cruzou rasteiro para Kleber, que se movimentou bem e só precisou empurrar para o gol. O Santos buscou o empate em uma bela cobrança de falta de Vitor Bueno e Renato, sentindo dores, conseguiu virar aos 51 da etapa final. Com o resultado, o Santos conquista seus primeiros três pontos no Campeonato Brasileiro, já que perdeu na primeira para o Atlético-MG. Já o Coritiba segue estacionado com apenas uma vitória contra o Cruzeiro na estreia.

Quanto ao caso Damião, como se já não fosse o bastante o caso Neymar, o grupo maltês apostava em uma cláusula no contrato que obrigava o Santos a indenizá-los caso Damião se tornasse um “agente livre” pela Fifa. Neste caso, o clube é obrigado a pagar a Doyen o valor mínimo investido por eles na transação. O montante que a Doyen cobrava é referente ao empréstimo dos investidores, que desembolsaram 13 milhões de euros para tirar o atacante do Internacional e colocá-lo no Santos ao final de 2013.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *