Philippe Coutinho já tem preço para deixar o Barcelona

O Paris Saint-Germain chocou o mundo do futebol ao pulverizar o recorde de valor pago em uma única transferência ao pagar a multa rescisória de Neymar ao Barcelona e gastar € 222 milhões na contratação do craque brasileiro. E como já era esperado, este movimento causou um verdadeiro efeito cascata no mercado com transferências muito acima do valor.

Um grande exemplo disso é o que o Barcelona fez com o dinheiro que recebeu pela “venda” de Neymar. O primeiro movimento foi trazer Dembelé do Borussia Dortmund por € 105 milhões, além de forçar o Liverpool a acabar com o jogo duro que vinha fazendo e trazer o brasileiro Philippe Coutinho por € 120 milhões, fazendo do jogador o segundo mais caro da história do futebol mundial.

Olhando de longe após quase dois anos de todas estas movimentações podemos chegar à conclusão que ninguém foi feliz com estas trocas. Tanto que o Barcelona já estuda colocar Coutinho no mercado de transferências pelo mesmo valor que pagou aos ingleses: € 120 milhões.

A passagem de Philippe Coutinho no Barcelona tem tudo para ser esquecida. Afinal, em um ano e meio desde a sua chegada à Catalunha não conseguiu conquistar nem a titularidade nem a torcida, que chegou a vaiar o jogador durante muitos jogos desta temporada. A atitude do brasileiro, provocando a torcida após marcar um gol, também parece não ter melhorado sua situação.

Porém, a grande questão que fica é: qual equipe teria condições financeiras de arcar com os € 120 milhões da transferência além dos € 14 milhões por temporada que o jogador ganha em salários? No momento atual do futebol mundial apenas Paris Saint-Germain, Manchester City e Manchester United parecem ter dinheiro suficiente para fazer este investimento.

Uma saída para o Barcelona pode ser envolver Coutinho em uma eventual troca com o PSG visando a volta de Neymar, porém pesa contra os catalães dois pontos negativos: além da fase de Coutinho desvalorizar o valor de seu passe no mercado há também uma compensação financeira além de outros jogadores que o time da capital francesa exigiria para liberar o seu maior craque.

Outra saída seria tentar um retorno para o Liverpool, mas por conta de sua saída conturbada e dos altos valores envolvidos o treinador Jürgen Klopp já vetou a possibilidade de qualquer tipo de negociação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *