Daniele De Rossi anuncia sua aposentadoria

Um dos maiores ídolos da história da Roma e atualmente defendendo as cores do Boca Juniors da Argentina, o volante Daniele De Rossi surpreendeu a todos ao anunciar a sua aposentadoria dos gramados aos 36 anos, apenas 6 meses após chegar ao clube argentino como uma das maiores contratações da última janela.

O anuncio foi feito horas depois de o jogador deixar a concentração onde o Boca Juniors faz a sua pré-temporada neste início de 2020. Após alguns boatos que tomaram conta das redes sociais o próprio jogador em entrevista coletiva ao lado do presidente do clube confirmou que não irá somente deixar o clube, mas sim se aposentar definitivamente do futebol:

– “Estou me aposentando. Os diretores me disseram para levar o tempo que precisasse. Me ofereceram ajuda para resolver o que está acontecendo comigo. Mas não preciso de ajuda. Eu preciso voltar para minha casa. Eu digo adeus a um clube que entrou no meu coração. Estou saindo porque minha família também sente minha falta. Não existe problema de saúde. Não quero entrar em maiores detalhes demais, mas minha filha mais velha, de outro casamento, ficou na Itália. Uma garota que precisa do pai por perto. Aqui estamos muito longe”.

Daniele De Rossi começou a sua carreira profissional na Roma em 2001 e deixou o clube na temporada passada após 18 anos. Neste período disputou 616 partidas e se tornou o segundo jogador com mais partidas pelo clube na história. Marcou 64 gols e conquistou a Copa da Itália em 2007 e 2008, além da Supercopa da Itália em 2007.

Além de sua passagem de sucesso no clube da capital o jogador também brilhou com a camisa da Seleção da Itália. O jogador fez parte do time que conquistou a Copa do Mundo em 2006, além de ficar com o vice-campeonato da UEFA Euro em 2012 e de ficar na terceira colocação da Copa das Confederações no Brasil em 2013.

Com a aposentadoria de De Rossi apenas Buffon continua jogando entre todos os campeões da Copa do Mundo de 2006 na Alemanha.

Em categorias de base também usou a camisa da Squadra Azzurra, tendo conquistado a medalha de bronze em Atenas no ano de 2004, além de ter sido campeão do Campeonato Europeu Sub-21 no mesmo ano.

Anunciado como reforço Xeneize em julho de 2019 o jogador teve passagem apenas discreta pelo Boca Juniors: fez 7 partidas pelo clube de Buenos Aires e marcou apenas 1 gol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *